Resenhas

Entretenimento

Receitas

Um Caso Perdido

by - terça-feira, abril 23, 2019


Às vezes, descobrir a verdade pode te deixar com menos esperança do que acreditar em mentiras...

Em seu último ano de escola, Sky conhece Dean Holder, um rapaz com uma reputação capaz de rivalizar com a dela. Em um único encontro, ele conseguiu amedrontá-la e cativá-la. E algo nele faz com que memórias de seu passado conturbado comecem a voltar, mesmo depois de todo o trabalho que teve para enterrá-las. Mas o misterioso Holder também tem sua parcela de segredos e quando eles são revelados, a vida de Sky muda drasticamente.
📖 Skoob  👍Avaliação Final: 
Nem tudo vai dar certo no meu caminho e nem todo mundo ganha um final feliz. A vida é realista, e, às vezes, as coisas ficam feias e só nos resta aprender a lida com elas. 


Se você já leu algum livro da Colleen Hoover sabe que ela não tem medo de abordar em suas histórias temas delicados e por vezes taxados de polêmicos, porém o que a difere de outros autores do gênero é a delicadeza que ela traz em sua narrativa. Porém apesar da autora tratar temas complexos de maneira "leve" acho importante avisar que este livro pode apresentar alguns gatilhos, uma vez que aborda temas como: suicídio, abuso físico e psicológico. Mas não se preocupe, apesar de se chamar Um Caso Perdido, este é um livro que apesar de ter seus dramas e complicações ele fala sobre esperança e segundas chances. 

Não quero de jeito algum me apaixonar loucamente por alguém, muito menos por alguém que só está perdendo seu tempo porque acha que sou fácil. Também não quero me apaixonar por alguém que já se considera um caso perdido. 

Escrito em primeira pessoa sob o ponto de vista de Sky, a narrativa se alterna entre o passado e o presente, detalhe esse que nos fazem ver o porquê tudo parece ser tão confuso e nada é o que parece ser. À primeira vista Um Caso Perdido parecer mais  um livro onde a garota "certinha" se apaixona pelo bad boy do colégio e irá vivenciar os conflitos característicos dessa fase da vida, porém conforme vamos avançando na leitura e conhecendo mais afundo os personagens e temos vislumbres do passado percebemos ainda que de maneira sutil  suas implicações no presente nos mostrando como a vida pode ser cruel mesmo quando não merecemos sua ira. 

Nunca vai entender por que ela fez isso, então precisa parar de se recriminar por não ter todas as respostas. Ela escolheu o que achava ser melhor, apesar de ter feito a escolha errada. Mas é isso que precisa lembrar... foi ela que escolheu. Não você.

Não vou entrar em detalhes sobre como o caminho de Sky e Holder  se cruzam, mas a sensação que temos é que o destino queria que eles se encontrassem e que esse encontro é o inicio de algo maior. Aposto que provavelmente você já ouviu aquela frase  “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará!”(Jo 8,32) ou alguma variação dela, porém essa é a melhor maneira de resumir a trama, uma vez que a unica maneira do relacionamento de  Sky e Holder dar certo é quando não existirem mais nenhuma mentira entre os dois.  

Por favor. Não estou pedindo desculpas porque não quero que esqueça o que aconteceu, e você nunca deve me perdoar por aquilo. Nunca. Nunca arranje desculpas para o que faço, Sky. 

E é exatamente nessas idas e vindas da história, em meio a perguntas, muitas vezes sem respostas que a Collen consegue ir partindo nossos corações aos poucos, nos fazem tomar cada acontecimento ali narrado como nosso. Já comentei aqui no blog em outras resenhas  da autora  como ela consegue criar histórias com problemas reais que ainda que sejam dolorosos para quem vive e pra que lê, ela consegue nos dar esperança, mesmo nos fazendo sofrer muito antes diga-se de passagem. Suas histórias não apenas nos entretêm, mas também nos fazem pensar e acima de tudo sentir. E sentimentos tanto que queremos extravasar esse sentimentos através das palavras, mas ficamos tão impactados com tudo que elas nos faltam e tudo o que nos restar é dizer, por favor não deixe de ler esta história. 

Obrigada por me dar coragem para sempre fazer minhas perguntas, mesmo quando não queria saber as respostas. Obrigada por me amar desse jeito. Obrigada por me mostrar que não precisamos ser fortes o tempo inteiro para ajudar um ao outro...não tem problema sermos fracos, contato que estejamos juntos. 

Um Caso Perdido é o primeiro livro  uma trilogia sendo seguindo por Sem EsperançaEm Busca de Cinderela . O primeiro livro, narra a história pelo ponto de vista de Sky, já o segundo nos apresenta o ponto de vista de Holder e como era sua vida antes do seu encontro com Sky, e por fim o terceiro narra a história de Six, a melhor amida de Sky. Todos os livros já foram lançados e são  publicados pela Galera Record, ou seja não tem desculpas para não ler. 

As coisas que nos derrubam na vida são testes, e esses testes nos forçam a escolher entre desistir, ficar caída no chão ou sacudir a poeira e se levantar com ainda mais firmeza que antes. 

Agora que você conheceu um pouco de Um Caso Perdido, não deixe de conferir outros livros da autora: Métrica - É Assim Que Acaba - Confesse - Tarde DemaisAh lembrando este livro está disponivel no Kindle Unlimited que já falei um pouco sobre o plano aqui, assim como Sem Esperanças Métrica

Você também pode gostar

6 comentários

  1. Eu adorei o efeito que o layout do blog tem nas quotes, sou dessas que presta atenção em todos os detalhes. A fonte diferente também ficou demais, parece um recorte do livro

    ResponderExcluir
  2. Que livro maravilhoso, ainda não conhecia, mas pela sua resenha já quero ler porque parace muito bom. Com assuntos importantes e atuais.
    Quero ler.

    ResponderExcluir
  3. Ainda não li nenhum livro dessa autora, mas esse já dei print aqui porque quero ler. Adorei a sua resenha e achei que deve ser mt bom esse livro!!

    ResponderExcluir
  4. Estou impactada com a premissa desse livro. Amo histórias assim que me fazem sentir! E vc também resenha tão bem que é impossível não sentir vontade de ler 😍
    Beijo
    Tamara

    tamaravilhosamente.com

    ResponderExcluir
  5. Apesar de poder ser gatilho pra algumas pessoas, e foi muito importante você sinalizando isso, acho necessário trazer livros YA/juvenis que tratem de saúde mental como um todo. A trama desse pela sua resenha me lembrou beeem superficialmente um dos meus livros favoritos, Por Lugares Incríveis, então fiquei bem afim de conhecer a trilogia!

    ResponderExcluir
  6. Ainda não li nenhum livro dessa autora... Escrever sobre saude mental é uma atitude muito corajosa. Porém, é necessario escrever principalmente para os jovens não se considerarem uma frescura que não merecem atenção...

    ResponderExcluir

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique a vontade para comentar. Obrigada pela visita! Volte sempre.