Confesse

by - quinta-feira, dezembro 14, 2017


Um romance sobre arriscar tudo pelo amor — e sobre encontrar seu coração entre a verdade e a mentira. Da autora das séries Slammed e Hopeless.  Auburn Reed perdeu tudo que era importante para ela. Na luta para reconstruir a vida destruída, ela se mantém focada em seus objetivos e não pode cometer nenhum erro. Mas ao entrar num estúdio de arte em Dallas à procura de emprego, Auburn não esperava encontrar o enigmático Owen Gentry, que lhe desperta uma intensa atração. Pela primeira vez, Auburn se vê correndo riscos e deixa o coração falar mais alto, até descobrir que Owen está encobrindo um enorme segredo. A importância do passado do artista ameaça acabar com tudo que Auburn mais ama, e a única maneira de reconstituir sua vida é mantendo Owen afastado.
📖Skoob 👍Avaliação Final: 

Colleen Hoover é uma das grandes responsáveis por eu ter me encantado com o estilo New Adult e também por algumas decepções nesse gênero, afinal depois que você conhecer a forma que essa mulher tem para contar história você não vai se contentar com menos que isso.  Então se você ainda não leu nada da autora preciso te dizer que você precisa mudar essa situação logo, e Confesse seria uma ótima maneira para começar, porque a história tem tudo na medida certa para gente se apaixonar pela história. 


O livro é narrado em primeira pessoa, tendo seus capítulos alternado entre Auburn e Owen (quem acompanha o blog a mais tempo já teve ter notado pelas minhas resenha que adoro livros assim), o que deixa a história mais crível e cativante. A cada novo capítulo é impossível você não sentir o que os personagens estão sentido. Colleen tem esse poder, ela consegue converter muito bem sentimentos em palavras e transmitir tudo isso pra quem lê.  



Ela ficaria chocada se soubesse como seu passado afetou meu presente, e por isso não vou contar a verdade para ela. Alguns segredos nunca deveriam virar confissões. Sei disso melhor que ninguém. 

Confesse traz um enredo simples, mas ao mesmo tempo com algumas situações complicadas. Assim como na vida real a gente sabe que esconder uma informações por menos que seja pode trazer grandes danos no futuro e a história e criada com base em confissões e segredos (Todas as confissões usadas nos grandes do Owen sõ confissões reais que a autora recebeu de maneira anônima), e esse detalhe aproxima a história ainda mais do leitor.  Em alguns momentos pode parecer que a história é previsível e você já desvendou tudo e é exatamente nesse momento que surge o plot twist e a gente fica com o coração apertado e aflita pelo que vem a seguir. 


É possível amar várias coisas numa pessoa sem amar a pessoa em si. 

Como eu disse é uma história simples então qualquer detalhe a mais pode tirar o brilho pra quem vai ler pela primeira vez então o que você precisa saber sobre a história que a sinopse não contou: Auburn  perdeu o grande amor da sua vida aos 15 anos, e depois desta grande perda suas escolhas nem sempre foram as melhores apesar de suas boas intenções. Owen nunca teve um grande amor, mas compartilha a característica de não fazer as melhores escolhas ainda que por bons motivos. Aos personagens têm sua vida marcada pela tragédia e pela vontade de recomeçar e ser feliz.  Quando seu caminhos se cruzam um encontra no outro a chance de um recomeço e felicidade, porém as consequências das escolhas feitas por cada um no passado os assombram e estarem juntos é um risco. O passado de Owen é uma ameaça real para o futuro que Auburn deseja ter, ou seja arriscar ter algo no presente traz um preço muito alta a se pagar. Se fosse pra mim resumir a história sem dar nenhum spoiler eu diria para que você ouça a música Exagerado do Cazuza. Com ela você vai ter uma ideia de como é o relacionamento de Owen e Auburn e que no caso deles o destino talvez realmente exista. Depois que conhecer a história do dois e voltar a ouvir a música vai perceber que com algumas alterações tudo faz sentido. 


Se eu passar o fim de semana com ele, vai ser exatamente como minha experiência com a bebida ontem à noite. Vai ser divertido e empolgante enquanto durar, e vou me esquecer de todas as coisas enquanto estiver com ele, mas depois a segunda-feira vai chegar. 

Uma das coisas que mais gosta na forma que a Colleen conta sua história e que ela consegue criar histórias com problemas reais que ainda que sejam dolorosos para quem vive e pra que lê, ela consegue nos dar esperança. Com suas histórias ela não apenas nos entretêm, ela nos faz pensar e acima de tudo sentir. São poucas as pessoas que possuem a capacidade de fazer o outro viver e sentir a história.  


Confesse é aquele livro montanha-russa cheio de altos e baixo, em alguns momentos parece que nosso coração fica pequeno para tanto sentimento, depois apertado e aflito e por último leve e satisfeito pelo que encontrou. 

Curiosidade: O livro irá ser adaptado para uma série de TV  produzida pela Lifeboat Productions e Awesomeness TV, e os episódios devem ir ao ar no próximo ano pelo site de streaming Go90. Confira o trailer: 





Você pode gostar

12 comentários

  1. Eu nunca gostei muito de livros de romance, mas confesso que ultimamente só quero ler isso haha E o pior é que nem sei da onde esse meu novo gosto por esse tipo de livro veio. Fiquei muito curiosa com a história, ainda mais depois que você mencionou a música do cazuza (adoro essa música!).
    Outra coisa que me chamou atenção é que as confissões são reais. Deve deixar o livro muito interessante!
    Beijooos

    www.itskimby.com

    ResponderExcluir
  2. Deu vontade de conhecer a escritora com a sua descrição!!! Legal q vai virar uma série também né!!!

    Você disse q gosta de histórias assim, tem uma série que também é contada pelo ponto de vista dos dois, The Affair!! É legal! Tem na Netflix 😉

    Até mais!!!


    http://ironicamenteinusitado.blogspot.com.br

    Bá 💜

    ResponderExcluir
  3. sou bastante suspeita ja que amo Colleen. ainda não li esse livro mas estou namorando faz tempo e to com muita vontade de ler.
    a temática é muito interessante e parece ser o tipo de historia que prende a gente né?
    enfim, amei a resenha

    ResponderExcluir
  4. Nossa, que interessante!! Eu li um nesse estilo esse ano (esqueci o nome (y)), mas parece que depois os rumos mudam. Pela sua propaganda, já quero ler! haha Vou por na minha listinha!

    Um beijo!
    www.negavaidosa.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi, adorei a resenha!
    Nunca li nada da Colleen Hoover, mas vejo tantas críticas positivas que a minha vontade de ler uma obra dela só faz aumentar. Estou pensando em colocá-la como meta para 2018, pois já não aguento ser a única a nunca ter lido nada dessa mulher, hahaha. Gostei muito da premissa de Confesse, acho que vou começar por esse.

    www.sonhandoatravesdepalavras.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olha, devo confessar (rá!) que eu gostei da dica. Eu não ando lendo mts livros ultimamente (mas a pilha vai crescendo, haha). Não consigo. E acho que esse é um bom título para tentar voltar a rotina. Eu só não posso sofrer junto, HAHAHA! Lindo seu post ♥

    www.prettythings.com.br

    ResponderExcluir
  7. Eu me interessei bastante por esse livro. O unico New Adult que li foi "Meu Romeo" estou pra soltar o post ainda, amei o genero. Fiquei bem curiosa com os segredos desse livro, odeio(amo) ficar curiosas com resenhas D:.

    Bites!
    Tary Belmont

    ResponderExcluir
  8. Eu tive uma fase em que lia bastante Young adult e romance, mas dei uma parada porque não estava encontrando coisas diferentes, alguns clichês, e olha que eu gosto de uns clichês, mas sabe quando fica mt respetivo? Mas, recentemente li como eu era antes de você e foi bom ter lido, a leitura me acrescentou mt, vou ler mais um dela agr esse mês. E como não li nada da Coleen e você falou mt bem da forma como ela escreve e sobre a história, acho que vou ler tbm, assim que tiver oportunidade. Me chamou a atenção, obrigada pela resenha e indicação. Volto pra contar o que achei tbm dps.

    Beijos da Pinguim
    PS: lindas fotos, viu?

    ResponderExcluir
  9. Eu tive uma fase que lia bastante YA, mas começou a ficar cansativo porque não encontrava coisas diferentes e aí ficava mt respetivo. Voltei a ler recentemente com como eu era antes de você e tive vontade de ler mais coisas do gênero, vou ler outro da Jojo, tô com ele aqui. Mas, como você falou mt bem da escrita da Coleen e da história desse livro, fiquei bem interessada. Assim que der, irei ler ele tbm. Obrigada pela indicação e resenha.

    Beijos da Pinguim
    PS: lindas fotos, viu?

    ResponderExcluir
  10. Oi! Eu confesso que pulei minha fase de Young Adult e, os poucos que li, eu gostei mas não me encantaram muito. E romance pra mim tem que ser igual o Morro dos Ventos Uivantes, onde todo mundo é amargurado haiuhuaihdia. Achei bacana que o livro será adaptado para uma série, se chegou a esse ponto deve ser um romance bom!

    ResponderExcluir
  11. Eu não consigo curtir esse gênero, todas as obras me parecem tão iguais, nem as capas atraem. Quem sabe um dia eu me arrisco lendo uma pra ver se acabo curtindo. Essa me lembrou outras várias que já li a sinopse, etc, será que na prática é bom mesmo?

    xoxo http://www.sextadimensao.com/

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Nunca li o livro da Colleen Hoover,minhas amigas falam dos livros dessa autora muuito,não faz bem meu estilo,mas eu sempre tento me aventura em novos estilos e livros.Parece que é uma ótima leitura para conhecer essa autora.
    E sua resenha mostrou muita paixão por esse livro.
    Adorei a resenha vou tentar ler esse livro dela.
    bjs

    ResponderExcluir

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique a vontade para comentar. Obrigada pela visita! Volte sempre.