Por Lugares Incríveis

by - quarta-feira, abril 01, 2020



Violet Markey tinha uma vida perfeita, mas todos os seus planos deixam de fazer sentido quando ela e a irmã sofrem um acidente de carro e apenas Violet sobrevive. Sentindo-se culpada pelo que aconteceu, Violet se afasta de todos e tenta descobrir como seguir em frente. Theodore Finch é o esquisito da escola, perseguido pelos valentões e obrigado a lidar com longos períodos de depressão, o pai violento e a apatia do resto da família.
Enquanto Violet conta os dias para o fim das aulas, quando poderá ir embora da cidadezinha onde mora, Finch pesquisa diferentes métodos de suicídio e imagina se conseguiria levar algum deles adiante. Em uma dessas tentativas, ele vai parar no alto da torre da escola e, para sua surpresa, encontra Violet, também prestes a pular. Um ajuda o outro a sair dali, e essa dupla improvável se une para fazer um trabalho de geografia: visitar os lugares incríveis do estado onde moram. Nessas andanças, Finch encontra em Violet alguém com quem finalmente pode ser ele mesmo, e a garota para de contar os dias e passa a vivê-los.
📖Skoob 👍Avaliação Final:    

Aviso de conteúdo: este livro aborda temas como depressão, ideação suicida e suicídio. 

Às vezes há beleza nas palavras difíceis    depende da maneira como as lemos.

Lançado em 2015 Por Lugares Incríveis, de Jennifer Niven foi um livro que não me chamou a atenção na época. 5 anos depois com a noticia de uma adaptação sendo lançada pela Netflix e uma nova edição em capa dura pela Editora Seguinte fiquei levemente curiosa para conhecer o motivo de tantas pessoas se dizerem encantadas pela história de Violet Markey e Theodore Finch. 

Acredito que existe um momento para cada coisa e não me arrependo de não ter lido o livro antes, acredito que a história chegou até mim no momento certo. Às vezes não temos maturidade suficiente para lidar com certas coisas e isso pode comprometer nossa avaliamos, assim como as lições que aprendemos. 

Não dizem que não existe hora melhor do que agora? Você melhor do que ninguém deveria saber que só o agora é garantido.  

Não irei entrar em detalhes da histórias, uma vez que a sinopse já nos dá uma ideia geral do que esperar da trama, ainda que não nos prepare para a jornada que iremos enfrentar durante a leitura. Theodore Finch é o tipo de pessoa que é impossível não notar, para quem não o conhece ele parece ser um cara intenso e complicado demais, é como se ele tivesse uma placa de "perigo, mantenha a distância" colocada nele. Mas conforme você vai o conhecendo descobre que ele é uma pessoa sensível, que compartilha uma visão adorável de como encarar o caos que é a vida. Ele possuí uma mente brilhante que consegue ver tão além que é difícil de se acompanhar. E uma vez que ele entra em sua vida você nunca mais será a mesma pessoa. 

Aprendi que existem coisas boas no mundo, se você procurar por elas. Aprendi que nem todo mundo é uma decepção, incluindo eu mesmo, e que um salto a 383 metros de altura pode parecer mais alto que uma torre do sino se você estiver ao lado da pessoa certa. 

Já Violet é uma garota aparentemente com uma vida perfeita, daquelas que se destacam por onde quer que andem, é impossível não querer se amiga dela, e para alguns impossível não querer ser ela. Porém, com a morte de sua irmã a sensação que temos é que sua luz foi roubada no acidente de carro, e temos apenas um vislumbre do que ela era. Mas ninguém entende a dor e a culpa que ela carrega consigo a ponto de não se reconhecer mais nem saber qual o seu propósito na vida.



Quando o caminho de Finch e Violet se  encontrar algo incrível começa a ganhar forma. Com os capítulos alternando a narrativa entre os dois personagens conseguimos acompanhar como esse encontro vai impactando na vida de ambos. Ao longo da história conseguimos sentir através das palavras da autora toda a euforia e energia de Finch assim como momentos que a escuridão o assola e tudo se torna depressivo e triste. Também sentimos na pele a dor e desespero de Violet e como aos poucos ela vai recuperando sua luz e alegria se transformando em um versão melhor de si mesma. 

Você é todas as cores em uma, em pleno brilho

Conforme a leitura avança e vamos nos aprofundando na vida de cada um, nos vemos envolvidos em  seus dilemas e sonhos, como velhos amigos. Porém em algum momento algo muda e não estamos preparados para  o que vem em seguida, ainda que a gente saiba que em algum momento tudo poderia ruir. A partir daí é impossível depois de  toda a conexão que criamos ao longo do livro  que a gente não se emocione por tudo que Violet e Finch vivenciaram. Assim como a vida de ambos se transformou a nossa também acaba se transformando. 

Durante a leitura é difícil não se lembrar de livros como Um Amor para Recordar, A Culpa é das Estrelas, Os 13 Porquês, Garotas de VidroA playlist de Hayden  e Querido Evan Hansen, por exemplo. E apesar de compartilhar algumas semelhanças a autora trouxe um outro olhar para uma temática tão delicada e necessária. 

O problema das pessoas é que elas esquecem que na maior parte do tempo o que importa são as pequenas coisas. 

Por lugares incríveis aborda temas que infelizmente ainda são considerados tabus, dolorosos demais para se falar sobre, mas que a cada dia se tornam a realidade de muitas pessoas, principalmente entre os jovens. Jennifer Niven transformou uma experiência traumática de sua vida em um livro que fala sobre transtornos mentais,  a morte e o luto, mas acima de tudo nos fala não apenas da vida, mas de como viver.  Sem dúvidas é um livro que merece ser lido, principalmente para ajudar a desenvolver a  nossa empatia! 

O que percebo agora é que o que importa não é o que a gente leva, mas o que a gente deixa.

Você pode gostar também

4 comentários

  1. aaaaaa esse filme realmente é maravilhoso, fiz uma resenha no meu blog também..

    Obrigada pela dica
    Segredosdamarii.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. fiz um post e acabei falando sobre esse livro também (e sobre a adaptação da netflix, haha). amei o post e tô apaixonada por essa edição em capa dura, já querooo ♥

    ResponderExcluir
  3. Não gostei muito da adaptação da netflix, mas parece que o livro é melhor <3

    ResponderExcluir
  4. É um dos meus livros favoritos. Através dele, descobri coisas sobre mim mesmas. Amei essa edição capa dura, quero.

    Fique com Deus.
    Hey Thay

    ResponderExcluir

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique à vontade para comentar. Obrigada pela visita e volte sempre!

Instagram