Man Repeller

terça-feira, julho 01, 2014

Man RepellerEm seu primeiro livro, a badalada blogueira e queridinha do mundo fashion conta suas divertidas memórias. Com jeito insolente, uma franqueza desconcertante e fotos de seu arquivo pessoal, Leandra compartilha detalhes da noite em que perdeu a virgindade, quando esqueceu de tirar as meias soquetes brancas, e descreve o momento em que percebeu que a clutch Hermès vintage da sua avó, feita de pele de avestruz, poderia guardar muito mais do que a chave e o celular. Leandra é a prova de que não precisamos trair nosso estilo repelente nem mesmo ao procurar o vestido de noiva (que pode ser muito bem ser combinado com uma jaquetinha perfecto de organza). Exibindo as opiniões originalíssimas de uma blogueira que ganhou milhões de fãs, este livro reúne experiências divertidas e meio bizarras, uma história amor superdoce e, acima de tudo, um lembrete para celebrarmos um mundo que é feito pelas mulheres e para as mulheres.
Skoob Avaliação Final:  Onde Comprar: Submarino - Americanas


Man Repeller é o primeiro livro da blogueira Leandra Medina (dona do The Man Repeller) e será lançado aqui no Brasil e Julho pela Novo Conceito. O livro  conta de maneira divertida a relação de Leandra desde a infância até o se tornar um blogueira reconhecida com a moda, e como ela descobriu que seu modo de se vestir tinha um efeito contrario no sexo masculino, ela era uma verdadeira repelente de homens.   

SEu achava que a moda poderia me ajudar a escapar do uniforme  e mesmo da personalidade  em que estava aprisionada. É engraçado como uma menina pode achar que tem talento para moda só porque é mulher. Mas isso não era o suficiente.  
Sabe aquela ideia que muitas mulheres são adeptas que na verdade nós nos vestimos para outras mulheres, e não para  os homens? Pois bem, é mais o menos isso que vamos descobrimos ao longo das páginas do livro só que com uma diferença: Leandra se veste para ela mesma, uma vez que seus looks são um tanto quanto inusitados ( o livro traz várias fotos para ilustrar o quão repelente ela é).
PEmbora eu fosse uma antiga adepta da premissa de que o dinheiro não compra felicidade, os sapatos deixam claro que certamente era possível alugá-la.
Ao longo das páginas vamos nos aventurando em situações inusitadas e muitas vezes cômicas, com uma boa dose de referencias do mundo da moda. Situações que a apesar da maneira que ocorrem nos fazem lembrar de momentos que muitas de nós já vivenciamos. 
SNão estamos sozinhas porque não conseguimos encontros. Não;  nós estamos sozinhas porque a moda é um chamado à individualidade.
 
Man Repeller é o tipo de livro para a menina/mulher que é apaixonada por moda, mas não se deixa limitar pelas tendencias do momento, e  sim a usa como uma maneira de expressar quem ela é e qual marca ela quer deixar no mundo. 
PÉ fácil ficar perdida e mudar constantemente de ideia quando se sai de uma redoma. Na verdade, a pressão para que alguém se defina é normalmente o que  o impede de efetivamente fazê-lo.  

Leandra em seu livro escreve como uma conversa com a melhor amiga. Onde ela é aquela amiga desbocada, descolada e toda atrapalhada. E faz até mesmo aquela pessoa que não super entendida de moda ver como ela faz parte da nossa vida e nosso estilo diz muito sobre quem nós somos, mesmo que a gente diga que não. E que por mais que você seja um repelente de homens em algum lugar há alguém que vai amá-la apesar ou por seu estilo até então dito inusitado.   


Você Pode Gostar Também

2 comentários

  1. Parece ser um livro divertido.

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha! Já tinha ouvido falar deste livro, mas ainda não conhecia o enredo. Parece ser uma leitura bem divertida, fiquei com vontade de ler também! :)
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique a vontade para comentar. Obrigada pela visita! Volte sempre.