Fangirl

terça-feira, novembro 04, 2014

FangirlSinopse: Cath é fã da série de livros Simon Snow. Ok. Todo mundo é fã de Simon Snow, mas para Cath, ser fã é sua vida – e ela é realmente boa nisso. Vive lendo e relendo a série; está sempre antenada aos fóruns; escreve uma fanfic de sucesso; e até se veste igual aos personagens na estreia de cada filme. Diferente de sua irmã gêmea, Wren, que ao crescer deixou o fandom de lado, Cath simplesmente não consegue se desapegar. Ela não quer isso. Em sua fanfiction, um verdadeiro refúgio, Cath sempre sabe exatamente o que dizer, e pode escrever um romance muito mais intenso do que qualquer coisa que já experimentou na vida real. Mas agora que as duas estão indo para a faculdade, e Wren diz que não a quer como companheira de quarto, Cath se vê sozinha e completamente fora de sua zona de conforto. Uma nova realidade pode parecer assustadora para uma garota demasiadamente tímida. Mas ela terá de decidir se finalmente está preparada para abrir seu coração para novas pessoas e novas experiências. Será que Cath está pronta para começar a viver sua própria vida? Escrever suas próprias histórias?
Skoob   Avaliação Final: ♥   Onde Comprar: Submarino -Saraiva

Rainbow  assim como em Eleanor & Park cria uma história tão cativante e envolvente que é preciso muito autocontrole para não ler o livro em uma sentada só. 

Cath e Wren são irmãs gêmeas que tiverem suas vida transformadas no 11 de setembro de 2001, o dia que a mãe resolveu ir embora as deixando para trás com o pai. Esse abandando trouxe vários pontos negativos para a vida das garotas, em especial para Cath.

Wren sempre foi a mais descolada, a mais bonita, e a que os caras sempre olham primeiro. Já Cath é mais introvertida, nerd, e sem muito talento para relacionamentos que não aconteçam fora dos livros.  A única coisa que as irmã têm em comum fora o material genético é o amor incondicional por Simon Snow e fanfiction. Mas tudo muda quando elas entram para a faculdade. Wren decide que já está na hora de elas crescerem e se tornarem mais independente uma da outra. Deixa as coisas de Simon Snow de lado e resolve dividir o quarto com alguém que não seja Cath.


Sorrisos confundem, ela pensou. É por isso que não sorrio. 
As escolhas de Wren não deixam Cath nada feliz, e esta se sente em um universo totalmente diferente do que ela estava acostumada e ela que ela não se encaixa ali. Cath acaba tendo que dividir o quarto com Reagan, uma garota aparentemente de poucos amigos e um tanto intimidante, e de brinde ganha Levi o namorado dela, que vira mexe esta por lá. E  Cath acaba fazendo amizades meio que sem querer, vê que as coisas podem não ser assim tão ruins. Sua vida se limitava a conversas com o pai, Reagan, Levi, Nick (seu parceiro de escrita) e Wren. 

Eu me pergunto... - disse ela - se houvesse máquinas do tempo será que alguém usaria pra ir pro fututro?

Este é um livro dramaticamente divertido. Fangirl aborda temas delicados de uma maneira leve e que a gente consegue se identificar ou identificar alguém conhecido.  O livro é narrado em terceira pessoa e ao longo das páginas vamos acompanhando a evolução de Cath com a faculdade, o pai, o abando da mãe, as escolhas da irmã, novas amizades, a descoberta do amor, Simon Snow e Baz e o futuro da sua fanfic. 

Felizes para sempre, ou mesmo juntos para sempre, não é boboca - Wren disse. - É a coisa mais nobre, tipo, mais corajosa, que duas pessoas podem almejar. 
Antes de cada capitulo temos uma trecho de um livro de Simon Snow (gente ele é a versão da Rainbow de Harry Potter, e confesso que queria muito conhecer mais de Simon e Baz, mas na versão da Cath) ou da fanfic da Cath. Achei isso bem legal porque temos uma noção desse universo em que as garotas vivem. Os personagens de um modo geral dão vontade de traze-los para vida real e tê-los como amigos. Super me identifiquei com a Cath e seu amor por livros, por escrever e seu talento para não ser tão sociável. Acho que deveria ter uma campanha por um mundo com mais caras como o Levi, gente ele é muito amor *---*  A Rainbow sabe como criar personagens apaixonantes.  

Agora estou ansiosa pelo lançamento de Attachments e Landline, ambos serão lançados pela Editora Novo Século.  O livro Attachments será lançado agora em novembro com o nome de Anexos. 



Você Pode Gostar Também

1 comentários

  1. Hey! Depois que li Eleanor & Park fiquei louca para ler outras obras da autora *-* , parabéns pela resenha, é a melhor que li até agora deste livro ;*
    www.moniitorando.com

    ResponderExcluir

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique a vontade para comentar. Obrigada pela visita! Volte sempre.