Lady Bird - A Hora de Voar

by - sexta-feira, janeiro 26, 2018


Lady Bird - A Hora de Voar é um filme que vem sendo bastante elogiado pela crítica e inclusive está entre os indicados ao Oscar de melhor filme, melhor direção (Greta Gerwig), melhor atriz (Saoirse Ronan), melhor atriz coadjuvante (Laurie Metcalf), melhor roteiro original. Porém nem sempre quando um filme agrada a crítica ele tem o mesmo efeito no público em geral  e nada melhor que dar uma chance e tirar nossas próprias conclusões. 

No filme acompanhamos Christine “Lady Bird” McPherson (Saoirse Ronan), uma garota que está no último ano do ensino médio e que nutre um desejo profundo de fazer faculdade longe de Sacramento, Califórnia, ideia essa firmemente rejeitada por sua mãe (Laurie Metcalf). Quem nasceu e cresceu em uma cidade de interior desse entender bem esse sentimento de querer conhecer o mundo, explorar novos lugares, conhecer novas pessoas buscar algo além da sua zona de conforto. 


Lady Bird é uma garota de personalidade forte, característica essa que provavelmente deve ter herdado de sua mãe, ainda contra a vontade de sua mãe e de todas as probabilidades não estarem a seu favor ela  não se dá por vencida e leva o plano de cursar a faculdade em um novo lugar adiante mesmo assim. Enquanto sua hora não chega, acompanhamos todos os dramas e prazeres característicos da adolescência, como a busca por aceitação, o primeiro amor, a descoberta da sua sexualidade,  a rebeldia “sem causa”, a importância das amizades, a relação de amor e ódio com a família, e a transição em si da adolescência para a vida adulta. 

Ainda que não tenhamos uma passagem de tempo tão grande como o filme Boyhood: Da Infância à Juventude (se você ainda não conhece o filme, eu super recomendo), que possui 2h 46m de duração e levou 12 anos para ser produzido, Lady Bird - A Hora de Voar com apenas 1h 34m consegue retratar bem a evolução da protagonista e seu amadurecimento de maneira singela e eficiente. Confesso que até os 30 minutos eu não consegui enxergar nada de tão atraente e inovador, mas depois deste período o filme se mostra extremamente crível e encantador.


Lady Bird - A Hora de Voar nos mostra as duas faces de uma mesma moeda, a difícil e gratificante missão de ser filha e de ser mãe, e o quão complicado pode ser crescer.  Através da jornada de autoconhecimento de Lady Bird temos um lembrete de que nossos sonhos e desejos não devem ser limitados pela opinião alheia, que devemos ser responsáveis por nossas escolhas, sucesso e fracassos, mas acima de tudo sermos gratos por tudo que temos e por tudo aquilo que ainda está por vir. Enfim este é um filme para quem sabe apreciar as pequenas coisas da vida e sabe enxergar a beleza em lugares que quase ninguém mais vê, porém o filme ainda não foi lançado aqui no Brasil, mas tem sua  data de estreia prevista para 15 de fevereiro


Você pode gostar

9 comentários

  1. Aquele tipo de historia que adoro <3 Acho que esses tipos de filmes sempre tem algo a nos ensinar.

    Beijos de luz, Carina Oliveira :)*

    ResponderExcluir
  2. Confesso que tenho acompanhado as críticas sobre esse filme, mas ao assistir o trailer ele não me pareceu tudo que falavam. Agora depois de ler sua resenha, consigo entender um pouco a comoção que o longa tem causado. Certeza que irei assistir, esse ano o foco é ver todos os indicados ao Oscar 💛

    ResponderExcluir
  3. Essa resenha do filme..me lembrou quando comecei a fazer faculdade e minha mãe meio que não queria me deixar ir..com lagrimas nos olhos..kkkkmas ela sabia que era para meu crescimento...hoje sou mãe e sei bem esse sentiment de que seu filho cresceu e precisa voar!!

    ResponderExcluir
  4. Tinha ouvido falar do filme é da indicação ao Oscar, mas não conhecia a história. Fiquei muito afim de ver! Inclusuve me identifiquei com algumas coisas. Adorei o seu post!

    sorria sempre :)
    www.malusilva.com.br

    ResponderExcluir
  5. Estou superrr ansiosa pra assistir esse filmeee!
    Eu estou encantada com o que já ouvir sobre ele, e ler esse post me fez lembrar de ir assistir ele logo!!

    Beijoo

    www.thaubarbosa.wordpress.com

    ResponderExcluir
  6. Tô querendo assistir todos esses filmes que foram indicados Eu gostei desse, mas sinceramente, não é algo tão inovador como os indicados do ano passado, como Moonlight...

    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
  7. aaa eu amo filmes assim. Minha familia também é bem protetora e eu super me identifico com tipos de filmes assim. Amei a tua indicação. Já to adicionando na listinha para assistir! Bjos, Marinspira <3

    ResponderExcluir
  8. Que história massa cara , desconhecia o filme gostei bastante da sua indicação♥

    ResponderExcluir
  9. Não costumo muito curtir filmes de Oscar, mas o que tomei coragem para ver foram ótimos, quer dizer a maioria. Não tinha lido ainda sobre a história desse filme, mas agora que li parece ser bem interessante. Não acho que vá assistir no cinema, mas vou dar um jeito de ver depois, parece ser bom.

    www.livrosenerdicesblog.blogspot.com

    ResponderExcluir

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique a vontade para comentar. Obrigada pela visita! Volte sempre.