O que o amor é...

sábado, setembro 05, 2015

O amor pode ser tantas coisas, pode significar muito e para outros não significar nada. A questão é que acredito que nosso maior erro é tentar definir o que é o amor. Passamos tanto tempo buscando como descreve-lo aos outros que deixamos passar despercebido o que ele nos faz sentir quando estamos em sua presença.

Se por um momento deixarmos de lado tudo aquilo que nos fizeram acreditar sobre este sentimento e começarmos a nos recordar todos os momentos que ele se fez presente em nossas vidas, iremos perceber que ele é muitas vezes algo simples e não se parece em nada com aquilo que andam descrevendo por aí. 

Por exemplo amor é dedicar um um pouquinho do nosso dia para saber como está sendo ou como foi o dia do outro, é se preocupar com alguém pelo simples fato de querer o outro bem. É fazer nascer o sorriso no rosto, mesmo que o nosso não traga um estampado. É ser lar quando a nossa casa está caindo, é ser presença ainda que ausente. É ser calmaria em meio a tempestade.

O amor está presente em cada nascer do sol, a cada flor que floresce, no sorriso inocente de cada criança, no zelo com o outro, no não disfarçado de bem querer, afinal quantos nãos dizemos ao longo da vida com o simples intuito de proteger. Enfim se fosse para definir acho que amor é vida, e onde há vida há amor ainda que muitos ainda não tenham descoberto a beleza de amar.   

*Este texto faz parte da blogagem  coletiva deste mês do grupo Irmandade das Blogueiras, onde a ideia era escrever com base no tema "O que o amor é"Exercícios para Perder Barriga


Você Pode Gostar Também

3 comentários

  1. Eu gosto da definição Bíblica do amor...
    Primeiro que ele é divino, ou seja: Deus é Amor.
    Depois, os ensinamentos de Jesus sobre amar a Deus acima de todas as coisas e Amar ao Próximo como a si mesmo... E nisso se encaixa perfeitamente o que vc escreveu... cuidar, proteger, se importar... E Jesus ainda disse que ninguém poderia amar a Deus se não amasse o seu irmão... Pois Deus é invisível, mas o seu irmão, o seu próximo, vc está vendo!
    E finalizando amo as características e a necessidade do amor: é paciente, é benigno, não arde em ciumes, não é soberbo, tudo espera, tudo suporta, é perfeito... Se eu falasse a língua dos homens e dos anjos, se não tivesse amor, nada seria...
    Essa é a minha verdade, e acho bem difícil seguir fielmente, porque essencialmente somos muito esgoístas, precisamos nos libertar de nós mesmos para amar de forma plena e real.
    Beijos! Adorei seu texto: objetivo e prático.

    www.amenidadesdekelly.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    É a primeira vez que estou aqui no blog e já adorei este post que li.
    Confesso que exitei em ler porque pensei que era mais um daqueles textos melancólicos sobre o amor entre um homem e uma mulher (é que eu não sou fã do romantismo...). Me enganei. Ainda bem que li porque me surpreendi ao ver que vocês escrevem sobre o amor da vida. Fiquei encantada comm a frase "É fazer nascer o sorriso no rosto, mesmo que o nosso não traga um estampado" porque levo este lema para a minha vida.

    Um beijo,
    Blog “A escrita e eu”

    ResponderExcluir
  3. O amor é tudo isso mesmo, amor é o que as pessoas precisam pra ficar mais humanas.
    Quero imprimir seu texto e colar em postes e murais...

    Blog | Fanpage

    ResponderExcluir

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique a vontade para comentar. Obrigada pela visita! Volte sempre.