O mundo não para quando você resolve ser você.

quarta-feira, novembro 13, 2013

Tinha um grito preso na garganta. Um surto que esqueci de ter. Palavras guardadas que sufocavam. Pensamentos torturantes. Lágrimas que não chegaram a rolar pelo meu rosto. 
Pobre eu, talvez elas tivessem sido importantíssimas para o hoje. Mas não me permiti. Ninguém sabia o que acontecia e eu, não queria saber. Não me deixei mais uma vez perder tempo. 
Você não sabe mais eu continue vivendo. Não, eu não estava acostumada, só não me importava.
O mundo não para quando você resolve ser você.
Não sei se ter colocado para fora teria sido melhor, mas carrego o “remédio” nas lembranças. 
Me apeguei a ele para melhor deitar a cabeça no travesseiro. Eu sei. E isso basta. 
Porque meu grito foi sussurro. Meu surto aconteceu internamente. Ouvi mil vezes todas as palavras que deveria ter dito e guardei cada gota de lágrima que pensou em cair. 
O sorriso no meu rosto era a melhor resposta.
Sou transparente, então não foi de mentira. Também dei minhas gargalhadas em meio aos seus risos. 

Você Pode Gostar Também

0 comentários

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique a vontade para comentar. Obrigada pela visita! Volte sempre.