De pedacinho em pedacinho, um coração inteiro.

terça-feira, setembro 25, 2012

Até quando eu ia ver o meu coração ser quebrado e no final do dia tentar reconstruir os pedaços? Eu sei você falou que eu fosse com mais calma, e no começo eu até fui, mas ai você me abraçava e eu achava que ali era território seguro, para se abrir e ficar. Você sorria para mim e parecia até cena de filme, ai você dizia que as comedias românticas são todas feitas do que queremos que aconteça e não do que é real. Eu até concordei com você, mas sempre fui à menina que ficava esperando o garoto que ia esbarrar comigo e dali por diante mudar minha vida. Você não esbarrou comigo, mas sim, mudou minha vida.  Sabe quando você disse que ia embora, eu aceite, só que no fundo esperava que você tivesse em um daqueles momentos quando não sabemos onde estamos pisando e com o tempo fica tudo mais claro. Na verdade era eu que não sabia onde estava que via e me fingia de cega. E o pior de tudo é que eu nem posso te colocar como culpado, e pior ainda era que você sempre foi sincero de mais, você nunca disse que ia ficar para sempre, nem que ia ficar. Fui só eu que achei que em um momento eu tinha te conquistado, e assim você ia largar tudo por mim. Se lembra  quando eu cheguei na sua casa do nada só porque você tinha falado que estava morrendo de saudade? Você ficou feliz não foi? Você disse que eu era a garota dos seus olhos e eu achei que foi ali que tudo ia mudar. E realmente foi ali, que você disse adeus para mim e para os meus sonhos.  Eu não vou brigar fazer ceninha ate porque você foi o único que foi sincero comigo, onde o mundo não sabia nem o que significava essa palavra. Tinha tanta gente querendo tapar o sol com a peneira que eu achei que você fosse mais um entre eles, e quando você falou que isso era amor, mas não amor para sempre, eu só achei que você estava tentando ser como qualquer um.  E antes de eu te chamar de idiota, porque talvez tivesse dado certo, eu quero te dizer obrigada, por me fazer ver que nem de longe eu era só mais uma menina. 



Você Pode Gostar Também

2 comentários

  1. Adorei o texto!
    Muito expressivo.
    Mas felizmente não estou passando por algo assim neste momento.
    Beijos,
    http://alanahomrich.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ótimo texto, porém como agarota disse acima n estou passando por algo assim no momento, mas to texto é bem lindo e tenho certeza que muitas pessoas irão se identificar.
    PS: amei a imagem do post.

    itregina.blogspot.com

    ResponderExcluir

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique a vontade para comentar. Obrigada pela visita! Volte sempre.