Castelo de Areia

segunda-feira, setembro 28, 2015




Dessa vez é pra valer, acabou e não tem mais volta. Pelo menos é o que eu sempre digo quando você sai pela porta para nunca mais voltar. Mas aí você volta meses depois como se nada tivesse acontecido, mas para você nada aconteceu. É como se você tivesse saído em um sábado a noite sem celular e chegado na segunda pela manhã, simples assim.

Com você é assim tudo tão simples, pena que não compartilho da sua simplicidade. Fico pensando no futuro, naquilo que quero pra mim, naquilo que espero de nós e crio planos, e sonho, sonho acordada, sonho sozinha um futuro para dois enquanto eu estou sozinha, porque mais uma vez você se foi. 

Todos me dizem para dar uma basta, te deixar para lá e seguir em frente. E eu sigo. Quando estou perto de construir algo sólido, você reaparece e me desestabiliza, vira meu mundo do avesso. É como se eu fosse um castelo de areia que levou um bom tempo para ser construído e você é uma onda que vem e vai, e por mais que eu tente  me afastar, você me alcança e me destrói. Pode parece loucura, mas apesar de todo o trabalho que eu tenho para recomeçar do zero, no fundo, meio que em segredo eu desejo ansiosamente o momento que a onda vem do mar e beija areia. Porque apesar de toda a bagunça que ela vai deixar quando se for, aquele exato momento é tudo que importa, é tudo que eu preciso para estar feliz... E por hora apenas isso basta até você ir embora de novo.  




Você Pode Gostar Também

4 comentários

  1. Que texto lindooo!! Amei Bjssss
    rabiscosdecarinho.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Lindo! As vezes só aquela presença basta...
    Bjs

    http://achadosdamila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Lindo! Como sempre, emocionante, de uma forma simples.
    Beijos

    Meu Meio Devaneio

    ResponderExcluir

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique a vontade para comentar. Obrigada pela visita! Volte sempre.