Redenção

domingo, maio 15, 2011


Procurei as melhores palavras para descrever como eu me sentia diante de tantos acontecimentos. Infelizmente não encontrei nenhuma, talvez nem exista.

Eu sentia uma forte dor no peito que ia tomando  conta do meu corpo, quando parecia que ia me partir ao meio, meus  olhos se viam obrigados a tentar equilibrar essa dor e as lágrimas escorriam  por eles, numa tentativa quase inútil de amenizar.

Sentia como se tivesse sido traída da pior forma, promessas quebradas, fui abandona em meio de milhares de pessoas que nem ligavam para mim existência, fiquei sozinha sem rumo, aflita.
Eram tantos sentimentos junto que não imagina que alguém seria capaz de sentir, mas eu sentia, todos amplificados.

Procurei nas músicas um conforto, nos livros uma solução, porém nada encontrei que fosse de todo satisfatório.  Um dia quando  já não agüentava mais a minha companhia melancólica, resolvi sai da minha prisão interna e ir atrás de gente, queria ver pessoas, sentir o vento acariciar minha pele, a chuva lavar minha alma.

Em uma dessas minha idas e vindas em busca de cura e redenção, encontrei alguém tão ferido quanto eu ou até mais se formos comparar  todos os quesitos , e o momento foi mágico. Quando começamos compartilhar nossas dores, uma confiança mútua crescia  e nossos medos, dores, tristezas e tudo mais que aqui existia dentro de nós foi se acalmando, como se uma tormenta fosse chegando ao fim depois de muito estrago ter feito.

Eu não acreditava que isso poderia acontecer, mas estava acontecendo e era a primeira vez em anos que me sentia completa de novo, como se nada nem  ninguém pudesse me fazer algum mal, me sentia forte para continuar, ou melhor recomeçar. Sentia que dentro de mim nascia algo novo e único, um tipo de amor que me todos os dias me transformava, me fazia acreditar que tudo era possível , algo que nunca tinha sentido, talvez nunca mais iria sentir. 



- Ane Venâncio

Você Pode Gostar Também

5 comentários

  1. É tão bom qdo a gente encontra a nossa metade e se sente completa, lindo texto.
    Comenta la:
    girlteen-s2.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Awnt que lindo!
    Engraçado como somos um quebra cabeças em 3 dimensões esperando uma simples peça para ser completado <3
    Você escreve muito bem, parabéns!

    Um beijo, L.

    ResponderExcluir
  3. Tem selinho pra vc no meu blog, corre lá pra pegar. Te ofereci com muito carinho!!!
    http://maniasdadiva.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Liiindo texto amoree,muito emocionaante mesmo...e eu me identifiquei muuito com essa parte aqui:

    "Procurei nas músicas um conforto, nos livros uma solução, porém nada encontrei que fosse de todo satisfatório. Um dia quando já não agüentava mais a minha companhia melancólica, resolvi sai da minha prisão interna e ir atrás de gente, queria ver pessoas, sentir o vento acariciar minha pele, a chuva lavar minha alma."

    Liindo mesmo!! \Õ/

    Kisses
    http://backstreetmorgan.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. É bom encontrar alguém que corresponda as nossas expectativas.
    Beijos

    ResponderExcluir

Olá! Sua opinião é muito importante para nós, fique a vontade para comentar. Obrigada pela visita! Volte sempre.